Escolha uma Página

Artigos da categoria…

poluição

O médico e o monstro

O médico e o monstro

A mesma mão que oferece vacina põe mais veneno em sua comida. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sofre de...

ler mais
Ouro de tolo verde

Ouro de tolo verde

O terreno é fértil e a safra de absurdos no Brasil cresce de forma assombrosa. Agorinha mesmo, a Câmara aprovou, em regime de...

ler mais
Esticando a corda

Esticando a corda

Há mais de uma forma de cometer genocídio; às vezes, nem é questão de matar: basta não deixar nascer. “A gente não quer ter...

ler mais
Tropical e sustentável

Tropical e sustentável

Para se livrar do danoso uso do plástico, um supermercado tailandês teve a grande ideia de substituir embalagens tradicionais...

ler mais
Negligência

Negligência

Onde eu nasci passa um rio  Que passa no igual sem fim Igual, sem fim, minha terra Passava dentro de mim (Caetano Veloso)...

ler mais
Carnaval consciente

Carnaval consciente

Este ano não vai ser igual aquele que passou, eu não cuidei, você também não cuidou. Aquela fantasia que brinquei virou uma...

ler mais
Baía de Guanabara poluída faz mal à saúde e ao bolso

Baía de Guanabara poluída faz mal à saúde e ao bolso

O espelho d’água da Baía de Guanabara reflete na saúde e na economia do Rio de Janeiro. Dados do movimento social Baía Viva e do Instituto Trata Brasil mostram que mais de um milhão de moradias sem saneamento básico no seu entorno levam milhares de crianças e jovens a se internar por ano devido a doenças gastrointestinais.

ler mais
Plásticos entram na dieta das tartarugas

Plásticos entram na dieta das tartarugas

Pesquisadores da Universidade de Exeter, do Laboratório Marinho de Plymouth e do Greenpeace examinaram 102 tartarugas marinhas dos oceanos Atlântico, Pacífico e Mediterrâneo. E, no intestino de todas, todas elas, havia incômodos micro-plásticos.

ler mais
Óleo vaza na Baía de Guanabara

Óleo vaza na Baía de Guanabara

Os catadores de caranguejo no extremo norte da Baía de Guanabara de repente ficaram sem trabalho no último sábado. Milhares de litros de óleo foram derramados no Rio Estrela, que, bem próximo dali, deságua na Guanabara, à altura da cidade de Magé. O curso d’água e a baía tiveram seus mangues devastados naquela região.

ler mais
Bueiro à prova de lixo

Bueiro à prova de lixo

Bueiros entupidos + lixo = caos nos centros urbanos. O catarinense Tiago dos Santos conseguiu tirar o lixo dessa conta. A imagem é autoexplicativa: os resíduos ficam retidos numa caixa, e a água passa para a galeria pluvial. “O lixo fica, e o rio agradece”, escreveu ele, que mora em Blumenau, numa placa ao lado de um bueiro especial que instalou em frente à sua loja.

ler mais
Poluição está na moda?

Poluição está na moda?

Não espanta ninguém que a indústria do petróleo seja a atividade que cause mais polua o planeta. Mas o segundo lugar da lista vai causar surpresa: a moda.

ler mais
Danos abissais

Danos abissais

Os danos que temos causado aos oceanos não são somente os visíveis, a sujeira que boia à superfície: o fundo do mar também recebe altos níveis de poluição.

ler mais
O saneamento básico está indo para o ralo

O saneamento básico está indo para o ralo

Jogamos pelo ralo os investimentos em saneamento básico. O Instituto Trata Brasil calcula que o país perde, por ano, R$ 56,3 bilhões por não ter levado ainda ao seu território a universalização desse serviço. Os critérios para se chegar a esse (imenso) valor vão muito além dos empregos gerados no setor.

ler mais
Jamaica vai banir plástico descartável

Jamaica vai banir plástico descartável

Vem mais vibrações positivas da terra de Bob Marley: governo da Jamaica vai proibir a importação, fabricação, distribuição e uso de alguns produtos de plástico descartável, como sacolas, isopor e canudinhos. A primeira proibição, de sacolinhas, passa a valer a partir de janeiro de 2019.

ler mais
Contaminação profunda

Contaminação profunda

Estudo detectou em crustáceos que vivem a cerca de 10 km de profundidade no Oceano Pacífico componentes químicos de uso e produção proibidos há 40 anos.

ler mais
Onda de sujeira

Onda de sujeira

O apelo turístico da ilha de Bali, na Indonésia, está ameaçado pela epidemia da contaminação de plástico. Com 4,5 milhões de habitantes, a localidade produz por dia mil toneladas de resíduos desse material.

ler mais
Pedalando sobre plástico reciclado

Pedalando sobre plástico reciclado

Pedalando sobre plástico reciclado. A cidade de Zwolle, na Holanda, inaugurou uma ciclovia feita de placas de plástico reutilizado. Além de ecologicamente correta, a nova via é três vezes mais durável do que uma de asfalto.

ler mais
A poluição está nos deixando menos inteligentes

A poluição está nos deixando menos inteligentes

A poluição está nos deixando menos inteligentes. Um estudo conduzido por cientistas americanos e chineses concluiu que ela está afetando quimicamente o nosso cérebro, além de aumentar a incidência de doenças degenerativas, como o mal de Alzheimer.

ler mais
Metais pesados contaminam o fim do mundo

Metais pesados contaminam o fim do mundo

Estamos indo longe demais: pesquisadores brasileiros e franceses encontraram contaminação de metais pesados, cádmio e mercúrio, em moluscos e crustáceos no arquipélago de Kerguelen, um dos lugares mais isolados do planeta.

ler mais
Primeira marcha engatada contra o diesel

Primeira marcha engatada contra o diesel

Leipzig engatou a primeira marcha: a corte federal alemã na cidade decidiu ontem (27/2) autorizar os municípios a proibirem a circulação de carros movidos a diesel com índice alto de poluição. Eles poderão por em prática a medida, mesmo que não haja uma lei nacional que a regulamente. Hoje foi Roma que anunciou que planeja proibir a circulação de veículos a diesel no centro, a partir de 2024.

ler mais
Reciclar é com os noruegueses

Reciclar é com os noruegueses

Ninguém recicla garrafa de plástico como os noruegueses: a taxa em 2016 foi de 97%, o que dá 600 milhões de unidades. Para se ter uma ideia, no Brasil essa porcentagem é de 50%.

ler mais
Pneus contaminam a água

Pneus contaminam a água

Sinal amarelo. Cientistas alemães descobriram que os fragmentos de pneus deixados nas estradas estão contaminando a água: eles são carregados pela chuva e chegam aos lençóis freáticos.

ler mais
Sobe o avião e a temperatura

Sobe o avião e a temperatura

Daqui de baixo mal se vê, mas a aviação comercial está causando um furdunço no clima. E não só pelas emissões de CO2, como também por causa do óxido de nitrogênio, do vapor d’água, das trilhas de condensação e das alterações das nuvens, que estão ajudando a fazer subir a temperatura.

ler mais

Bola de beber

A startup inglesa Skippink Rocks Lab criou uma solução original para as grandes poluidoras do planeta: as garrafas pet. Eles colocaram a água em bolas comestíveis e biodegradáveis que, quando colocadas na boca, liberam o líquido.

ler mais
Plásticos causam alterações hormonais

Plásticos causam alterações hormonais

Estamos nos contaminando até quando tomamos banho. O uso em excesso de plásticos e cosméticos, como o sabonete, pode causar alterações hormonais e outras doenças. E esses distúrbios podem levar ao câncer. A USP examinou a urina de 300 crianças e detectou níveis altos de substâncias tóxicas em metade das amostras.

ler mais
Um lixo de país

Um lixo de país

A ilha de lixo que flutua no meio do Pacífico já tem o tamanho da França. Então porque não transformá-la num país? A ideia inusitada partiu da ONG canadense Plastic Oceans, que lançou um abaixo-assinado que já tem mais de 100 mil assinaturas. Chamado Trash Isles (Ilhas de Lixo), ele tem moeda, bandeira, passaporte e seu primeiro cidadão honorário, o ex-vice-presidente americano e ambientalista Al Gore.

ler mais
Dia de lembrar que plastificamos os oceanos

Dia de lembrar que plastificamos os oceanos

Nos sentimos os reis do mundo, mas nosso Titanic está naufragando num mar de lixo. Hoje (8/6), Dia Mundial dos Oceanos, uma boa ocasião para lembrar que 90% das aves marinhas e 100% das tartarugas já comeram plástico. E que se nada for feito, até 2050 vai ter mais plástico do que peixe no mar.

ler mais
São Paulo pode salvar uma vida por dia

São Paulo pode salvar uma vida por dia

São Paulo pode salvar uma vida por dia e economizar R$ 3,8 bilhões até 2050. Basta que se cumpra uma lei. A conclusão é de um estudo inédito do Greenpeace Brasil e do Instituto Saúde e Sustentabilidade. A Lei Municipal do Clima, criada em 2009, determina que a partir de 2018 toda a frota municipal de ônibus seja abastecida com 100% combustíveis renováveis.

ler mais