Escolha uma Página
Uma resposta sob nossos pés

Uma resposta sob nossos pés

Os solos são o segundo maior reservatório de carbono do planeta, ficando abaixo apenas dos oceanos. Mas atividades como desmatamento e agricultura industrial degradaram 40% das terras agricultáveis no mundo.
Diferentes estudos apontam que a aplicação de agricultura regenerativa a solos degradados pode sequestrar 3%, 15% ou até 40% das emissões globais de carbono. Se as técnicas também forem levadas para áreas de pastagem, essa taxa pode chegar a 100%.
O caminho leva para perto de produtores que usem métodos ecologicamente amigáveis, como rotação de culturas e compostagem.
E para longe de agroindústrias adeptas a monoculturas e agrotóxicos.
Via The Guardian
Foto: Iepec
Saiba mais: https://www.theguardian.com/global-development-professionals-network/2016/sep/10/soil-our-best-shot-at-cooling-the-planet-might-be-right-under-our-feet

Bomba de carbono

Bomba de carbono

Uma bomba climática. Um estudo inédito para descobrir como o calor afeta o solo da floresta, realizado ao longo de 26 anos, revelou uma consequência preocupante: as mudanças climáticas fazem com que ele libere dióxido de carbono na atmosfera. E este processo que pode se tornar incontrolável, tornando o planeta cada vez mais quente.

A pesquisa foi realizada pelo Marine Biological Laboratory (MBL), da Universidade de Chicago, na Floresta de Harvard, em Massachusetts (EUA), e publicado na revista Science. “Se uma quantidade significativa desse carbono do solo for adicionada à atmosfera, devido à atividade microbiana, isso acelerará o processo de aquecimento global. E uma vez que este processo começa, não há nenhuma maneira de desligá-lo”, disse Jerry Melillo, do MBL. Ou seja, não adianta nem tirar a tomada; tem é que correr para reverter o efeito.

Via Exame

Foto: Boing Boing

Saiba mais