Escolha uma Página
Eucalipto é como gasolina

Eucalipto é como gasolina

Cultivar eucalipto é como plantar gasolina, em mais de um sentido: por seu grande valor econômico e a porque pega fogo fácil. A árvore de origem australiana cobre 30% de toda a área florestal portuguesa e serviu de combustível para o incêndio que destruiu a região de Pedrógão Grande.

O Brasil hoje é o quarto maior produtor mundial de eucalipto, de onde se tira o papel, e quer ser o segundo. Suas plantações são conhecidas como “desertos verdes”, pois secam aquíferos e não há vida animal nelas.

Os portugueses estão revendo sua política de plantio massivo da árvore. Será que não devíamos nos antecipar à tragédia e fazer o mesmo aqui?

Via BBC Brasil

Foto: Paulo Cunha/Lusa

Saiba mais: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-40376855

Uma Nova Zelândia a menos de floresta

Uma Nova Zelândia a menos de floresta

O planeta perdeu o equivalente à área da Nova Zelândia em áreas florestais no ano passado. E perdeu para o fogo: o aumento de 51% em relação a 2015 se deu, principalmente, por causa de incêndios, segundo relatório da Global Forest Watch. Incêndios no Brasil, Estados Unidos (foto), Espanha e Portugal indicam que a área destruída este ano deve ser ainda maior. E floresta queimada também é mais CO2 na atmosfera.

Fatores climáticos à parte, o homem contribui ao tratar o solo de forma inadequada, praticar a monocultura do eucalipto e não fazendo o devido trabalho preventivo – ou até mesmo agindo criminosamente, como na Chapada dos Veadeiros e em Portugal. O lado bom disso: não é um trabalho para São Pedro, nós mesmos podemos resolver.

Via O Globo

Foto: Ringo H.W. Chiu/AP

Saiba mais

Chapada pega fogo

Chapada pega fogo

O Brasil é uma grande fogueira. Desde terça-feira, o fogo consome o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Patrimônio Natural da Humanidade, que foi ampliado em junho deste ano. Mais de 200 pessoas tentam em vão apagar as chamas, que já consumiram 35 mil hectares, ou 14,6% da áreas da reserva de Cerrado.

As condições climáticas (ventos fortes, temperaturas acima dos 35°C e a seca) ajudam o fogo a se alastrar, mas o incêndio foi criminoso, segundo Fernando Tatagiba, chefe do parque: “Alguém botou fogo na vegetação dos dois lados da rodovia GO-118 e no interior uma área desmatada que serve justamente como medida de prevenção de incêndios. Certamente se trata de uma pessoa que conhece a região e a nossa dinâmica de combate às chamas”, disse ele. Segue a queima total de nossas riquezas.

Via Exame

Foto: FernandoTatagiba/ICMBio

Saiba mais

Estão botando fogo no Brasil?

Estão botando fogo no Brasil?

Estão botando fogo no Brasil? A pergunta é pertinente. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) o número de incêndios em setembro já superou em 52% o do mesmo período do ano passado. E segundo o coordenador do Programa de Queimadas e Incêndios do órgão, Alberto Setzer, esse aumento não pode ser atribuído somente ao clima seco ou a causas naturais.

O fogo queima indiscriminadamente Unidades de Conservação e Territórios Indígenas. Os focos se concentram 43,4% na Amazônia. Setzer lembra que as queimadas antecedem o plantio de grãos. As áreas em seguida são desmatadas e ocupadas, como parte da estratégia de invasão de terras públicas. Onde há fumaça, há fogo.

Via Observatório do Clima

Foto: Agência Brasil

Saiba mais