Escolha uma Página
Diesel em carros de passeio é retrocesso

Diesel em carros de passeio é retrocesso

Uma comissão especial da Câmara dos Deputados pode dar aval hoje ao Projeto de Lei (PL) 1.013/11, que autoriza a fabricação e a comercialização de veículos leves (como carros de passeio) movidos a óleo diesel.

O relator do parecer favorável ao projeto, que será submetido a voto, é o deputado Evandro Roman (PSD-PR).

Em junho, formalizamos nossa posição contrária a esse retrocesso ao assinarmos um manifesto do Observatório do Clima.

Agora, faz-se necessário reiterar: incentivar o óleo diesel, um combustível fóssil amplamente poluente, é ir na contramão do Acordo de Paris. Não é isso que queremos para o nosso país e para o planeta!

Via: Site da Câmara dos Deputados

Foto: Estadão

Saiba mais: https://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/INDUSTRIA-E-COMERCIO/519738-COMISSAO-PODE-VOTAR-PROJETO-QUE-PERMITE-MOTOR-A-DIESEL-EM-VEICULOS-LEVES.html

Primeira marcha engatada contra o diesel

Primeira marcha engatada contra o diesel

Leipzig engatou a primeira marcha: a corte federal alemã na cidade decidiu ontem (27/2) autorizar os municípios a proibirem a circulação de carros movidos a diesel com índice alto de poluição. Eles poderão por em prática a medida, mesmo que não haja uma lei nacional que a regulamente. Hoje foi Roma que anunciou que planeja proibir a circulação de veículos a diesel no centro, a partir de 2024.

As cidades alemã e italiana seguem o exemplo de Nova York, que vai processar indústrias petroleiras, acusando-as de serem responsáveis por prejuízos causados pelas mudanças climáticas. Às vezes, as grandes revoluções começam assim, pequenos passos dados aqui e ali. Por isso sempre dissemos: #CadaGotaConta!

Via AutoEsporte

Foto: Fabrizio Bensch/Reuters

Saiba mais aqui e aqui

O Brasil na marcha-ré!

O Brasil na marcha-ré!

Carros a diesel são mais poluentes e começam a ser banidos das ruas de cidades europeias.
Contrariando a tendência mundial, está tramitando no Congresso um Projeto de Lei, o PL 1.013/2011, que libera a fabricação e a venda de automóveis de passeio movidos a diesel no Brasil.
Com ele entramos na contramão do Acordo de Paris.
A medida também é prejudicial à economia porque nos obriga a importar mais óleo diesel, o que vai acabar encarecendo o transporte de cargas.
O Observatório do Clima organizou um manifesto de repúdio ao projeto e Uma Gota no Oceano assinou embaixo, junto com cinco ex-ministros do Meio Ambiente.
Vamos brecar essa ideia!
Leia o manifesto: https://www.observatoriodoclima.eco.br/wp-content/uploads/2016/06/Manifesto_PL1013_site.pdf

Fumaça mortal

Fumaça mortal

Óleo diesel mata. E não é pouco. Só em 2015 foram mais de 38 mil mortes relacionadas a queima do combustível fóssil, associada ao câncer de pulmão, e doenças dos sistemas respiratório e cardíaco. Detalhe: este número é de apenas 11 países que mais consomem diesel no mundo e o Brasil está incluído.

Cientistas comprovaram que há uma diferença enorme entre as emissões registradas em testes de certificação e nas emissões reais de veículos, que ficaram 45% acima dos limites previstos. Isso para atmosfera também é péssimo, gerando gases que contribuem para formação da chuva ácida, aquecimento global e mudanças climáticas.

Via: Observatório do Clima

Saiba mais em: https://www.observatoriodoclima.eco.br/diesel-matou-38-mil-em-2015-diz-estudo/

Foto: The Himalayan Times

Veja mais vídeos