Escolha uma Página
UFMG forma 30 novos professores indígenas

UFMG forma 30 novos professores indígenas

Um momento de celebração: a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) formou de uma vez 30 novos professores indígenas, das etnias Pataxó e Xakriabá. Esta é a terceira turma do curso de licenciatura em Formação Intercultural para Educadores Indígenas (Fiei), na área de Ciências Sociais e Humanidades.

E o mais bacana é que a criação do curso, que também tem alunos das etnias Maxacali, Krenak, Caxixó, Xukuru-Cariri e Pankararu, partiu do próprio movimento indígena. “A mudança retira muito, mas a transformação acrescenta”, disse a paraninfa da turma, Célia Xakriabá. Engana-se redondamente quem pensa que eles pararam no tempo: os povos indígenas estão se preparando para o futuro.

Via Portal Uai

Foto: Gabriel Santana/TV UFMG

Saiba mais