Escolha uma Página
Sustentabilidade mista premiada

Sustentabilidade mista premiada

Sustentabilidade premiada. A casa dos estudantes da Escola Fazenda Canuanã, no Tocantis, ganhou do Royal Institute of British Architects o prêmio para projetos de arquitetura arrojada e impacto social significativo. O prédio, construído com metal, madeira e tijolos especiais, combina técnicas de construção tradicional com a tecnologia mais moderna.

O calor na região chega aos 40˚C, mas o interior do prédio chega a ficar até 7˚C mais fresco, sem precisar de ar condicionado. Além disso, o uso da luz natural também ajuda na economia de energia. Tradição + modernidade = sustentabilidade.

Via BBC News Brasil

Foto: Leonardo Finotti

Saiba mais

Mãozinha para sobrevivência

Mãozinha para sobrevivência. As tartarugas da Amazônia estão entre as espécies preferidas dos caçadores, atrás de seus couro e carne. Para complicar, apenas 1% dos filhotes sobrevive. Para contrabalançar tanta desvantagem, pesquisadores e voluntários do Parque Estadual do Cantão, no Tocantins, vigiam as praias do rio Araguaia e levam as tartaruguinhas recém-nascidas para um local protegido na água, onde passam 30 dias, protegidas dos predadores e com alimentação garantida. A ideia é que, uma vez livres, pelo menos 13% delas sobrevivam. Conscientizar é reforçar esse esforço.

 

Via Jornal Nacional
Foto: Fabíola Dias/Naturantis
Saiba mais