Escolha uma Página

A tragédia anunciada de Mariana.

18 de janeiro de 2016

Investigação do Ministério Público de Minas Gerais revela que Samarco sabia dos riscos da operação da barreira do Fundão e aponta diversos erros no processo de licenciamento ambiental.
“O licenciamento todo é uma colcha de retalhos cheio de inconsistências, omissões e graves equívocos que revelam uma ausência de política pública voltada para a proteção da sociedade”, representante do MP de Minas Gerais. Saiba mais: https://migre.me/sJ7vo