nossa
História


Nossa petição reuniu 2,5 milhões de assinaturas

No dia 22 de dezembro, menos de dois meses depois do lançamento do Movimento Gota D’Água, fomos à Brasília entregar nossa petição com 2, 5 milhões de assinaturas aos ministros Gilberto Carvalho, da Casa Civil, Isabela Teixeira, do Meio Ambiente, e Edison Lobão, das Minas e Energia.

Mas o governo não só se mostrou insensível ao clamor de 2,5 milhões de brasileiros, como fez vista grossa com os pareceres técnicos do especialistas.

E, arbitrariamente, manteve a decisão de barrar o Rio Xingu e construir a Usina de Belo Monte.

 



Publicações

Primeira Marcha das Mulheres Indígenas

Uma força ancestral ganha formas modernas: pela primeira vez, mulheres de diferentes povos do Brasil e...

#PrayForAmazon

A vontade de salvar a Amazônia é muito mais incontrolável que os incêndios que a destroem:...

“Em defesa da vida: Mulheres atingidas na luta por direitos”

A equipe da Uma Gota no Oceano participou, no dia 25 de junho, do seminário nacional...

Seminário de Articulação das Bacias do Tapajós

A equipe da Uma Gota no Oceano participou, de 14 a 16 de junho, do Seminário...

Semana do Meio Ambiente na Unisuam

Nos dias 6 e 7 de junho de 2019, a Uma Gota No Oceano e o...

“Em nome de que, São Francisco?” no Uranium Film Festival

“Minas não tem mar, mas fizeram dois mares de lama nas minas”. Este é um trecho...

Exibição do “Em nome de que, São Francisco” na UFAL

No dia 09 de maio de 2019, o vídeo-manifesto "Em nome de que, São Francisco?" foi...

Acampamento Terra Livre 2019

Mais de 4 mil indígenas, de mais de 160 etnias e de todos os estados do...

Gabriel Leone é a voz do São Francisco

O ator Gabriel Leone emprestou sua voz para o Rio São Francisco. A narração foi utilizada...

Assembleia anual do Observatório do Clima 2019

Nos dias 13 e 14 de março, Uma Gota No Oceano participou da assembleia anual do...