nosso
Olhar


Os filhos naturais do Brasil

ATL 2017

A relação do Estado Brasileiro com os povos indígenas é de mau padrasto, embora eles sejam os seus filhos naturais. De um ano para cá, porém, esta relação vem se degenerando assustadoramente. Os seus direitos originários, mesmo que assegurados pela Constituição, têm-lhes sido tirados como se concedidos por favor. Os ataques partem tanto do Legislativo, onde a bancada ruralista ocupa desproporcionais 40% das cadeiras, quanto do Executivo, que planeja revisar processos de demarcação feitos pela hoje bastante debilitada Funai. O Judiciário, por sua vez, contribui com sua cota de castigos julgando com morosidade casos de reintegração de posse. Por isso, é preciso responder à altura.

E é por isso que o Acampamento Terra Livre (ATL) deste ano será o maior de sua história. Mais de três mil vozes da floresta serão ouvidas no encontro, que acontece esta semana, até sexta-feira, em Brasília. Todas gritando em uníssono: “Demarcação, já!”. Você pode se juntar a elas, mesmo à distância, se manifestando nas redes sociais, aderindo à campanha Mexeu com o índio, mexeu com o clima, pintando o seu rosto, usando as hashtags #MexeuComÍndioMexeuComClima, #CadaGotaConta, #TamuAtéAki, #DemarcaçãoJá #ATL2017 e #MenosPreconceitoMaisÍndio e assinando e compartilhando a petição Presidente Temer e ministro Serraglio: respeitem os direitos indígenas!

Vamos acreditar, dá para virar este jogo! No início deste mês, os povos do Xingu conquistaram duas grandes vitórias na Justiça: as licenças de operação e de instalação da hidrelétrica de Belo Monte e da mineradora canadense Belo Sun foram suspensas pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF 1), a pedido do Ministério Público Federal no Pará. A ATL 2017 tem outra novidade: pela primeira vez o evento contará com a participação de outros povos indígenas das Américas do Sul e Central, e da Indonésia. Afinal, os problemas enfrentados pelos parentes de lá são bem parecidos com os de cá. A cobiça é um mal que desconhece fronteiras.

Leia a convocatória do ATL: https://mobilizacaonacionalindigena.wordpress.com/2017/03/20/convocatoria-acampamento-terra-livre-2017/



Publicações

Um futuro verde para o deserto

Que fique claro: essa ilustração é apenas uma projeção do futuro, mas o Sahara Forest Project...

Máquina ruralista é movida a PLs

A máquina ruralista é movida a Projetos de Lei. Com a potência de 25 PLs, ela...

Xingu: do Paraíso ao Inferno

Imagina que você mora na sucursal do Paraíso e resolvem transformá-la numa filial do Inferno. Foi...

Macaco não vive sem mata. E vice-versa

Não há macaco em loja de louça na natureza: o equilíbrio é delicadíssimo, tudo está intimamente...

A mineração ainda ronda a Amazônia

Da Serra Pelada, que tinha 150 m de altura, sobrou um lago de 24 mil m²...

Sermão ambiental

O Papa não tem papas na língua - ao menos quando se trata da questão ambiental....

Biodiversidade amazônica

É muita vida em jogo: uma em cada dez espécies conhecidas de animais e vegetais do...

O Cerrado pode ser salvo sem loucura

O Dia do Cerrado deste ano chega pouco depois da notícia de que que o bioma,...

Israel movido a sol

Sabe o que o Brasil tem em comum com Israel? Sol à beça. E os israelenses...

Ciência e saberes tradicionais pelo clima

Quando a ciência convencional se soma aos saberes dos povos tradicionais todos saem ganhando - inclusive...